sábado, 10 de janeiro de 2009

New Civic 2009, vem diferente e mais caro!

O Honda Civic, um dos automóveis mais vendidos do mundo, ganhou um leve retoque no visual para encarar 2009. Entre as pequenas mudanças estão nova grade do radiador e o pára-choque mais envolvente, com entradas de ar maiores.Nas laterais não houve mudanças. Já na parte traseira, a tampa do porta-malas recebeu um pequeno aerofólio. O interior também não recebeu alterações, já os pacotes foram reava-liados. Agora, há o sistema de som integrado e navegador como opcionais.O novo Honda Civic começa a ser vendido nos EUA e deve chegar por aqui a partir deste mês de Janeiro. Já o preço, já vem salgado de fábrica. Para quem já comprou um 2008/2009, sentirá a diferença no design mas não no bolso.

Recorde no cinema brasileiro

Foi do tipo arrasa-quarteirão o fim de semana de estreia de Se Eu Fosse Você 2: 575 000 espectadores nos 330 cinemas onde o filme de Daniel Filho foi exibido. É o melhor resultado de público do cinema brasileiro numa estreia desde meados dos anos 90, quando ocorreu a chamada retomada. Supera, assim, Carandiru, até agora o número 1, com 468 000 espectadores no primeiro fim de semana. A continuação tem tudo para ir além da versão original, que alcançou 3,6 milhões de espectadores e foi o filme nacional mais visto de 2006. Mais de 200 leitores comentaram o assunto, divulgado com exclusividade pela coluna na semana passada. Algumas dessas mensagens:
O filme cumpre o seu papel, que é o de entreter. Com clichês ou não, diverte. Acho o recorde merecido.(Marcelo Peixoto Trevizo)
É gratificante ver que o cinema brasileiro não fica atrás das produções de outros países. É ótimo termos filmes como este, que nos dão prazer em assistir.(Edileuza Ferreira)
Tema atualíssimo, um elenco fantástico, boas tiradas... Não deixa nada a desejar às comédias americanas de sucesso.(Giovani Costa)
Fonte:www.veja.com.br/radar

Priscila Pires, a futura sensação do BBB9

A disputa para a musa do Big Brother Brasil 9 promete pegar fogo! Tchello Caramori, fotógrafo e amigo de Priscila Pires, disse que a nova sister será o novo bumbum do Brasil. Com o cachê do ensaio, Priscila colocou próteses de silicone há cerca de um mês e meio. Há boatos circulando pela web de que a participante Priscila Pires teria estrelado um filme adulto.Daí surge uma dúvida: Será que a Globo não sabia disso ou foi só pra ganhar ainda mais ibope e causar polêmica? O filme pornô da Priscila do BBB 9 está disponível para download em diversos sites de downloads, basta pesquisar no Google. Mais novidades sobre o caso, volto a postar aqui. Segundo alguns sites, Priscila usou o codinome de Aline Batistel e Paula Becker. Agora resta aguardar para saber se a informação é correta ou é apenas uma coincidência entre Priscila e uma atriz pornô.

Governo estuda financiar imóveis de até R$ 500 mil

O pacote habitacional em gestação no governo poderá elevar dos atuais R$ 350 mil para cerca de R$ 500 mil o teto do valor dos imóveis com financiamento pelo FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). É o que informa neste domingo (11) reportagem de Sheila D'Amorim, publicada pela Folha (a íntegra do texto na internet estará disponível a partir das 2h30 de domingo, apenas para assinantes do jornal e do UOL).
O novo Plano Nacional de Habitação, base do pacote, prevê a concentração de recursos orçamentários e, principalmente, do FGTS para famílias com renda mensal de até R$ 2.000. No entanto, a demanda das construtoras é voltada para imóveis direcionados a pessoas com renda bem acima desse teto.
O pacote habitacional visa evitar uma queda brusca no crescimento econômico. Leia a notícia completa na Folha deste domingo, que já está nas bancas.
Fonte:UOL/Folha On Line

Nasce bebê sem gene para câncer

A primeira bebê britânica selecionada para não ter um gene relacionado ao câncer de mama nasceu em Londres, informou nesta sexta-feira (9) o hospital do University College. O embrião que se desenvolveu e deu origem à menina passou por um diagnóstico pré-implante, para evitar que a criança possuísse a variação do gene BRCA1, que aumenta o risco de câncer de mama ou de ovário.
Em junho do ano passado, a mãe, de 27 anos, decidiu recorrer à escolha genética após ver de perto o caso familiar. Três gerações de mulheres de sua família --entre elas sua avó, mãe, irmã e uma prima- tiveram o tumor diagnosticado. O marido também é portador do gene.
O diretor da Unidade de Reprodução Assistida do hospital, Paul Serhal, que não informou a data do nascimento, disse hoje que "a menina não terá que enfrentar o risco desta carga genética do câncer de mama ou câncer de ovário quando for adulta". A identidade dos pais da criança não foi anunciada.
Sem a intervenção da ciência, a menina teria entre 50% e 80% de probabilidades de desenvolver o tumor. Por isto, a equipe médica examinou diversos embriões e selecionou os que estavam livres deste gene.
Cerca de mil bebês nasceram até agora se beneficiando deste método de seleção genética para eliminar a carga genética de outras doenças, como a fibrose cística ou a doença de Huntington.
Esse tipo de procedimento está proibido na Alemanha, Áustria, Itália e Suíça. Em compensação, é autorizado na Bélgica, Dinamarca, Espanha e Reino Unido. Na França é permitido apenas para detectar uma doença genética incurável, como a miopatia ou mucoviscidose.
Em 2006, o Reino Unido ampliou a possibilidade de recorrer ao diagnóstico, acrescentando a mutação genética BRCA 1.
Fonte:Efe e France Presse

Dicas da Luana Piovani

Calígula
Uma das melhores peças que vi em 2008. Dirigida pelo Gabriel Villela (Captain my captain), com adaptação do Dib Carneiro e com um elenco de ouro, encabeçado pelo Thiago Lacerda que também a produziu...
O texto é primoroso, Thiago arrebenta e a direção, bem, Gabriel é um maestro...
A peça dura uma hora e meia e a gente sai querendo mais, apesar dos questionamentos e "filosofia" do Calígula serem pesados...
Teatro de conteúdo e qualidade faz muito bem, não percam!
Está em cartaz em Sampa no teatro SESC Pinheiros, de quinta a sábado às 21hs e domingo às 18hs. O SESC além de ser um excelente lugar para se trabalhar, ainda patrocinou a peça. Bravo!!!
Ps: Tenho 2 perguntas:
1) Vocês viram a Vip? Só vi ontem, adorei a entrevista e as fotos me deixaram feliz...
2) Dá pra confiar em quem nunca sofreu por um amor?? Ando desconfiada dessa gente...
Leia mais no Blog da Luana:http://contato.luapio.blog.uol.com.br/

A guerra que não tem fim

Hamas dá sinais de esgotamento, mas Hizbollah ameaça atacar Israel :
Um comandante militar israelense disse neste sábado que os militantes do grupo radical islâmico do Hamas começaram a dar sinais de esgotamen-to na ofensiva israelense na faixa de Gaza. A in-formação foi divulgada pelo jornal "Hareetz". Desde o início do conflito, em 27 de dezembro, ao menos 800 palestinos foram mortos e 13 israelenses. O número de feridos ultrapassa 3.000 em Gaza.
"Amir Mansi foi identificado pelas tropas israelenses como sendo um dos líderes militares do Hamas. Os soldados abriram fogo, mataram Mansi e feriram dois combatentes do Hamas que estavam com ele", informa o jornal.
Segundo o "Hareetz", o número de baixas do Hamas --estimada atualmente em 300 combatentes- poderá aumentar ainda mais, uma vez que o Exército israelense prepara um reforço no controle na parte norte da faixa de Gaza.
Hoje, o grupo armado do Hizbollah, grupo xiita patrocinado pelo Irã e pela Síria e que apoia o Hamas, ameaçou Israel para não usar o ataque palestino --que hoje atirou vários foguetes do sul do Líbano contra o Estado hebreu-- como pretexto para ampliar o conflito. Nesta manhã, o governo israelense avisou os palestinos sobre o aumento na escalada de ataques.
O Hizbollah, considerado uma potência militar e política na região, disse que estava "pronto para rebater Israel no caso de ataque". Ao menos três foguetes Katyusha foram arremessados para Israel do sul do Líbano nesta sexta-feira (9), em um contra-ataque a ofensiva israelense.

Após drama das enchentes, Vale do Itajaí tenta se recuperar

Com uma festa de verão lançada quinta-feira (8), em Blumenau, nos padrões da famosa Oktoberfest, em pleno janeiro, o Vale do Itajaí começa a se reerguer social, econômica e estruturalmente, após o período de forte chuva há seis semanas. As enchentes no Estado deixaram, de acordo com os dados mais recentes da Defesa Civil, 135 mortos, 6 desaparecidos e 32.853 desalojados e desabrigados. Segunda-feira (12), o Grupo de Reação à Catástrofe do governo do Estado se reúne na cidade para definir os critérios para a aquisição de terrenos e conjuntos habitacionais na região. Antes da reunião, o governador Luiz Henrique da Silveira deve visitar os locais onde são construídas moradias provisórias para as famílias desabrigadas. As obras começaram quinta-feira (8). De acordo com um levantamento feito pela Companhia de Habitação do Estado (Cohab), será necessário construir 6.204 moradias. O prazo estimado para terminar as obras é 18 meses.Para erguê-las, o governo de Santa Catarina solicitou R$ 142 milhões ao Ministério das Cidades e outros R$ 20 milhões ao Ministério da Integração Nacional. A Cohab deve atualizar o gasto dos recursos por meio de sua página na internet. Nesta segunda-feira, a prefeitura de Blumenau começa o cadastro das famílias afetadas por deslizamentos e inundações para o recebimento do Auxílio Reação, instituído pelo governo do Estado. A previsão é de que mil grupos familiares sejam atendidos até sexta-feira (16). Uma equipe de assistentes sociais deve utilizar um cadastro feito pela prefeitura da cidade para realizar estudos também sobre a situação das residências.

Ingênua sim, burra, não!

Sob o título acima, a Revista Veja desta semana, traz uma entrevista com Suzana Vieira, uma das melhores atrizes do Brasil.Com 66 anos, a atriz Suzana Vieira casou-se três vezes e teve muitos relacionamentos. Nenhum deles foi tão traumático e expôs tanto sua intimidade quanto o último, com o ex-policial militar Marcelo Silva, que, aos 38 anos, sucumbiu a uma overdose de cocaína em dezembro passado. Bonita, sorridente e com 5 quilos a menos, Susana relata as cenas repugnantes a que foi submetida nos capítulos finais do seu casamento. A atriz conta que o ex-PM lhe surrupiou joias, dinheiro, eletrodomésticos e pretendia chantageá-la. Refeita de golpes na vida real que nem os mais criativos autores de novela foram capazes de imaginar, Susana diz que já conseguiu superar o escândalo e está pronta para amar de novo.
Pergunta:Seu marido, Marcelo Silva, foi preso e expulso da Polícia Militar do Rio por se drogar e espancar uma prostituta em um motel. Depois, a senhora descobriu que ele mantinha uma amante. Em seguida, Marcelo morreu de overdose ao lado dela. Qual foi o pior desses momentos?
Resposta:Nunca vivi nada comparável ao primeiro grande baque, que foi o episódio do motel. Mas também nada se compara à nossa separação e à morte dele. Nem (a autora de novelas) Glória Perez seria capaz de escrever uma história como essa. Depois do escândalo do motel, perdoei o Marcelo porque jamais imaginei que ele aprontaria de novo. Mas nem o Marcelo nem aquela amante dele (a nutricionista Fernanda Cunha) eram inocentes. Só peço que não escreva o nome dessa mulher junto do de Susana Vieira, que é a vítima.
Pergunta:Muita gente apostou que o seu casamento terminaria depois do episódio do motel.
Resposta:Eu chorava de saudade do Marcelo. Era uma mulher apaixonada. Ele era sedutor, me amava e a gente transava bem. Aliás, só soube agora que pessoas com deformidade da mente, como ele, transam muitíssimo bem. Não me nego ao amor e estou cheia dessa história de que mulher de 60 anos tem de namorar homem de 70. Sou uma estrela. Não estou nem aí para preconceitos.
Leia mais na Revista Veja: http://veja.abril.uol.com.br/140109/entrevista.shtml

Três feridos em acidente com ônibus na Av. Paulista

Um acidente na avenida Paulista, região central de são Paulo, envolvendo dois ônibus deixou três pessoas feridas na manhã deste sábado. O acidente ocorreu na esquina da Paulista com a rua Augusta, sentido Paraíso, e danificou o canteiro que fica na esquina das duas vias. A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) e o Corpo de Bombeiros não souberam informar o que teria motivado a colisão.
A faixa da direita da avenida continuava interditada até às 9h55. A interdição, porém, não chega a gerar problemas de congestionamento na região.
Um outro acidente na avenida Rebouças durante a madrugada, no entanto, provoca problemas para o motorista que segue no sentido centro. No capotamento de um veículo, ocorrido por volta de 5h40, próximo à rua Joaquim Antunes, três pessoas saíram feridas e foram levadas ao hospital das Clínicas, na zona oeste. A faixa da direita continuava interditada e o trânsito era lento na avenida.
Um terceiro acidente aconteceu na avenida Washington Luís, zona sul de São Paulo, próximo do aeroporto de Congonhas, por volta de 7h. Um veículo bateu na mureta do canteiro central e uma pessoa ficou ferida. Ela foi atendida pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Três faixas da via foram interditadas, mas já foram liberadas e o trânsito é tranquilo na região.
Fonte:Folha On Line

Nicole Kidman diz que ficou constrangida com filme "Austrália"

A atriz Nicole Kidman afirmou em entrevista a uma rádio australiana que quase não conseguiu assistir à sua atuação no épico "Austrália", informou a versão on-line do jornal "Daily Mail".
Dirigido por Baz Luhrman, "Austrália" era um ambicioso projeto de US$ 130 milhões, que reuniu dois astros do país, Kidman e Hugh Jackman, e procurava alavancar a indústria de turismo australiana.
O filme foi um fracasso nas bilheterias americanas, arrecadando US$ 44,3 milhões em cinco fins de semana no Canadá e Estados Unidos. A própria atriz reconheceu que ficou decepcionada com seu desempenho no longa, em que interpreta uma aristocrata inglesa que se apaixona por um vaqueiro (Hugh Jackman), quando os dois tocam sua boiada pelo deserto australiano durante a 2ª Guerra Mundial. Na entrevista à rádio de Sidney, Kidman contou que, quando foi à pré-estreia do filme ao lado do marido Keith Urban, ela não conseguia olhar para tela e ficar orgulhosa com sua atuação.
"Eu não posso olhar para esse filme e me sentir orgulhosa", disse a ganhadora do Oscar por "As Horas". "Eu sentei ali e olhei para Keith [Urban] e perguntei 'eu trabalhei bem nesse filme?'".
Fonte:Folha on line.

Futura BB, já começa a aparecer na mídia

A ala masculina de espectadores do "Big Brother Brasil", que aguarda ansiosa a saída das mulheres da casa e seus possíveis ensaios para revistas masculinas, já pode ter uma palhinha de uma das participantes antes mesmo do reality show começar. A jornalista e modelo Priscila Pires, de Campo Grande (MS), já adiantou parte de suas poses no ensaio que fez para a revista virtual "Mochileiras".O editor da revista, Tchello Carmori explica: "mochileira é como chamamos as mulheres com o bumbum grande".O jornalista e fotógrafo Tchello, 38, conheceu Priscila em um restaurante de Campo Grande. "Vi aquela morena de cabelo comprido, perna grossa, maravilhosa e fui falar com ela".Ele explica que o convite para posar em fotos sensuais não foi aceito de bate pronto. "Ela disse que iria pensar e ficamos uns dois anos conversando e negociando. O ensaio só foi feito em dezembro".De acordo com o jornalista, Priscila fez a inscrição para o "Big Brother" "por fazer". "Ela nem postou vídeo, só colocou fotos na internet. Chamaram ela do nada.""Priscila é uma pessoa humilde e vai ser uma sensação no ´BBB´", diz o fotógrafo. "Ela tem um corpo lindo, escultural. Só faltava mesmo o silicone, que ela já colocou".
Fonte:("BOL - FolhaOnline - Ilustrada");

Acidente na marginal Tietê, bloqueia pistas

Um acidente entre um automóvel e um caminhão na marginal Tietê sentido Castello Branco e Ayrton Senna neste sábado provocou bloqueio das pistas expressa e local e causou 11 quilômetros de lentidão na zona norte da cidade.Segundo informações do Corpo de Bombeiros, um helicóptero foi usado no socorro das vítimas que foram encaminhadas para o hospital de Tatuapé, na zona leste, e o hospital das Clínicas, na zona oeste. Seis pessoas ficaram feridas. Não há informações sobre a gravidade dos ferimentos.O acidente ocorreu as 11h48 e até as 13h10 as pistas continuavam bloqueadas para limpeza e perícia. A cidade de São Paulo registra lentidão de 15 km na tarde deste sábado, 1,7% dos 835 quilômetros monitorados pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego).

Lula corta R$ 600 milhões dos programas sociais

A marolinha, está chegando....
A crise financeira global fez com que o governo federal cortasse R$ 600 milhões do Orçamento para o Ministério do Desenvolvimento Social, informa neste sábado o Painel da Folha, editado interinamente por Ranier Bragon (a íntegra está disponível apenas para assinantes do jornal e do UOL).
Segundo o Painel, o corte contraria a promessa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que os programas sociais do governo não iriam sofrer o impacto da crise.
"Não haverá recuo nos programas, mas talvez não seja possível expandir do jeito que gostaríamos", disse o ministro Patrus Ananias (PT) ao Painel.
Prefeitos
Para se prevenir de possível queda na arrecadação com a crise, prefeitos também têm anunciado cortes no custeio da máquina administrativa.
Ontem, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), pediu um levantamento aos presidentes das autarquias municipais para cortar 30% o custo com salários de cargos de confiança.
Na administração direta, o prefeito também solicitou aos secretários que apresentem um estudo para estabelecer uma meta para reduzir os gastos com salários dos funcionários comissionados.
Os prefeitos de Osasco (Grande São Paulo), Emidio de Souza (PT); de São Bernardo, Luiz Marinho (PT); e do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), também anunciaram pacotes de medidas para reduzir os gastos no governo neste início de mandato.
Na semana passada, o presidente Lula criticou os prefeitos que planejam cortar investimentos em obras como estratégia para combater os efeitos da crise econômica mundial em seus municípios.
Leia mais em:http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u488558.shtml

Vídeo do dia: Caetano,canta, eu sei que vou te amar

http://br.youtube.com/watch?v=lTqq9aSac9w

Governo Lula gasta fortuna em passagens

Apesar da promessa de cortar despesas de custeio no orçamento 2008 para ajudar a compensar a perda de arrecadação da CPMF no fim de 2007, os gastos do governo com passagens, diárias e locomoção foram os maiores registrados desde 2003. Os gastos da União (excluindo as estatais) com esses itens chegaram a R$ 1,4 bilhão no ano passado. O Poder Executivo liderou as despesas, com uma conta de R$ 1,2 bilhão, ou seja, quase 86% do total. Os poderes Legislativo e Judiciário, que têm quantidades significativamente menores de funcionários, desembolsaram R$ 114,5 milhões e R$ 90 milhões, respectivamente. A compra de passagens e gastos com locomoção no ano passado custou ao todo R$ 788,4 milhões, enquanto o pagamento de diárias consumiu R$ 656,5 milhões.
Leia mais em:http://contasabertas.uol.com.br/asp/

Que comprar um carro novo? Não dê bobeira!

O carro novo é um objeto de desejo, e o principal bem de consumo durável de uma família, leia o que a revista veja, desta semana, aconselha:
Cenário atual: Os estoques das montadoras estão elevados, e o governo diminuiu os impostos. O resultado é que os carros novos ficaram mais baratos – especialmente para quem não se importar em adquirir um modelo com ano de fabricação de 2008. Mas os financiamentos ficaram mais caros e mais difíceis. Além disso, os preços dos usados, que normalmente servem de entrada na aquisição de um veículo novo, caíram bastante, o que deixou a troca mais complicada
Não seja o pato: É preciso pesquisar, e muito, em diversas concessionárias – tanto para obter o menor preço possível pelo novo a ser comprado como para conseguir a melhor cotação para o seu usado. Quem for financiar precisa comparar minuciosamente as taxas de juros cobradas. Elas variam bastante entre os bancos. Nem sempre a financeira da concessionária oferece as melhores condições

Camisinha,sim, mas agora é a vez do lubrificante

No mês passado, o Ministério da Saúde anunciou a maior compra de camisinhas do planeta. Está repetindo a dose com os lubrificantes íntimos. Neste ano, adquirirá 15 milhões de sachês do produto. O governo distribui esses saquinhos a travestis e homossexuais masculinos há oito anos. O ministro José Gomes Temporão determinou que, a partir de agora, eles também sejam oferecidos às mulheres. Os especialistas no combate à aids dizem que os lubrificantes evitam que os preservativos se rompam e, assim, reduzem os contágios pelo HIV.

Rússia briga com Ucrânia – e a Europa toda treme

Vladimir Putin (o todo poderoso da Rússia ) desligou o gás da Europa, pegou seu presidente de estimação, Dimitri Medvedev, e foi esquiar. Para se ter uma ideia do que isso significou, imagine o boliviano Evo Morales e multiplique por mil. E dos 30 graus do verão brasileiro subtraia 40, até 50 – sem aquecimento nos países mais russo-dependentes, como a Romênia, onde o corte do gás no auge do inverno levou gente de volta à era do carvão ou da lenha. A briga do czar Putin é com a Ucrânia, por onde passam os gasodutos que esquentam a Europa, e envolve tanto interesses econômicos quanto um confronto político: a Rússia quer tripudiar sobre seu ex-estado vassalo e também aumentar o preço do gás que lhe vende dos atuais 179 dólares por tonelada cúbica (fora do mercado) para mais de 400 (fora da realidade, para os ucranianos). Não houve acordo. Depois de acusar o país vizinho de roubar o gás destinado a outros compradores europeus (só um "ajuste técnico", defendem-se os envolvidos), Putin baixou o diktat: mandou cortar a parte ucraniana do fornecimento, o que afetou irresponsavelmente outros países. Daí foi esfriar a cabeça na paisagem deslumbrante de Krasnaia Poliana, ou Clareira Vermelha, a estação de esqui dos russos ricos. Prometeu normalizar o abastecimento se a União Europeia mandar observadores para vigiar os ucranianos. Está assim para ser introduzida uma nova contribuição do país que já deu ao mundo o gulag, a nomenklatura e a intelligentsia: a gasocracia.
Fonte:Revista Veja

A culpa é da vítima

O ideário israelense comporta a existência dos dois estados; o do Hamas, não. Mas parte do establishment incorporou a lógica do terror. A "causa" palestina transformou-se em mitologia política. Leia mais, no blog de Reinaldo Azevedo:www.veja.com.br/reinaldoazevedo

Doutor bandido ou bandido Doutor?

Hosmany Ramos, o médico transformado em assassino e assaltante, anuncia que vai fugir da cadeia e a polícia nada faz. A quem interessar possa, ele informa que está a caminho "de um país vizinho".É isso mesmo que você acaba de ler: O ex-cirurgião plástico Hosmany Ramos, 61 anos, há muito não maneja um bisturi. Ex-bandido perigoso, aposentado por força da última prisão, em 1996, desde então também não pega numa arma. Uma característica, porém, ele mantém intacta desde a década de 70, quando seu nome ainda não havia migrado das colunas sociais para as páginas policiais dos jornais: o gosto por chamar atenção. Exibicionista serial, o ex-pupilo preferido de Ivo Pitanguy, cujo endereço oficial até a semana passada era a Penitenciária de Valparaíso, no interior de São Paulo, convocou entrevista coletiva no último dia 2 para anunciar que não pretendia cumprir o restante de sua pena, de 47 anos. Agraciado com o benefício da saída temporária da cadeia para passar as festas de fim de ano com a família, o ex-cirurgião declarou que, em "protesto contra as condições do sistema prisional brasileiro", havia decidido não voltar ao xadrez. Como a polícia nada fez para evitar que ele cumprisse a promessa, Hosmany deu no pé – e passou a ser considerado oficialmente foragido no último dia 3. Desde então, tem dado, por telefone, entrevistas diárias à imprensa, em que relata seus planos para o futuro. A VEJA, informou candidamente na quarta-feira: "Viajo amanhã para um país vizinho, onde vou trabalhar como médico de uma ONG internacional no atendimento a crianças carentes". Quem o ouvisse pensaria que se tratava de um cidadão livre, pagador de impostos e cumpridor de seus deveres falando – e não de um detento foragido e condenado, entre outras coisas, por homicídio, roubo e sequestro.
Não é a primeira vez que Hosmany "decide" deixar a cadeia. Em 1996, ele não retornou da saída temporária que lhe permitiu deixar o Instituto Penal Agrícola de Bauru para comemorar o Dia das Mães em família. Na ocasião, como agora, uma das primeiras providências que tomou ao se autoconceder a liberdade foi dar uma entrevista.
Leia mais na Veja:http://veja.abril.uol.com.br/140109/p_048.shtml

Os corruptos de Obama?

Cada presidente tem o escândalo de corrupção que merece. Uns aparecem eles mesmos enrolados em maracutaias e outros amargam as consequências do envolvimento de auxiliares, familiares, amigos ou aliados. Na sua fulminante trajetória do anonimato à Casa Branca, Obama andou tropeçando em alguns monturos de enxofre. O pior foi sua proximidade com um colecionador de picaretagens de Chicago, Antoin Rezko, um milionário sírio que juntou dinheiro para a campanha anterior de Obama e ajudou-o a comprar a mansão de seus sonhos. Rezko foi condenando em dezesseis acusações de corrupção, mas nada se provou contra Obama, além de que lhe falta talento para escolher suas companhias. Depois, apareceu o caso do governador de Illinois, Rod Blagojevich, aliado de Obama. Ele foi pilhado achacando meio mundo e tentando vender a cadeira vaga de Obama no Senado. Na semana passada, finalmente, Blago, como é chamado, teve seu mandato cassado pela Assembleia de Illinois. Antes, os senadores já haviam tentado barrar a entrada no Senado de Roland Burris, o escolhido por Blago para suceder a Obama. Desconfiavam, claro, que Burris pudesse ter comprado a cadeira. O boicote funcionou só um dia. No outro, Burris entrou no prédio pela porta da frente e tomou posse. Sorridente, disse aos que testemunhavam seu juramento: "Não é fantástico?".
Fonte: Revista Veja

O minucioso trabalho de Patrícia Pillar como Flora

Quando aceitou o convite para viver a Flora de A Favorita, Patrícia Pillar sabia que estava correndo um risco. Aos 44 anos e dona de uma carreira pontuada por personagens do bem, encararia sua primeira vilã, na primeira novela em horário nobre de um autor jovem e disposto a contrariar os modelos consagrados por seus pares mais experientes. A Flora criada por João Emanuel Carneiro entrou em cena como uma ex-presidiária com jeito de santinha injustiçada, revelou-se uma assassina dissimulada e caiu em desgraça à medida que foi engolida por suas carências afetivas. Poderia facilmente descambar para uma vilã memorável, mas caricata, como a Nazaré de Renata Sorrah em Senhora do Destino. No entanto, essa trajetória inverossímil ganhou consistência. Graças a um milimétrico trabalho de construção da personagem, Flora afirmou-se como uma das vilãs mais complexas já surgidas nas novelas brasileiras e fez de A Favorita um sucesso em sua reta final. "Ela alcançou o olhar legítimo do psicopata, da falta de sentimento. Inclina levemente o rosto para baixo e ergue sutilmente os olhos, como um predador", diz a psiquiatra Ana Beatriz Barbosa Silva, autora do livro Mentes Perigosas: o Psicopata Mora ao Lado, usando a foto desta página como exemplo. A trajetória da vilã é a chave para a escalada de A Favorita no ibope. A novela tem audiência média modesta, de 40 pontos. Mas, desde dezembro, vários capítulos chegaram perto dos 50. Aquele em que Silveirinha (Ary Fontoura) troca de lado, aliando-se a Donatela (Claudia Raia) contra Flora, bateu em 51 pontos, o recorde desde o início da trama. Esse desempenho acabou dando trabalho extra a Carneiro na reta final. Na quinta-feira, a oito dias do gran finale, o destino de Flora foi revelado por um jornal carioca. Irritado com o vazamento dessa e de outras cenas importantes, o autor decidiu fazer mudanças no último capítulo. Na versão tornada pública, a punição reservada à megera era ficar prisioneira de sua fixação maníaca pela irmã postiça Donatela. Ela voltaria para a cadeia, onde, ao vê-la lavando as calcinhas de outras presidiárias, uma novata perguntaria seu nome e ela diria: "Donatela". No novo desfecho, será mantida a punição retumbante que se costuma reservar aos grandes vilões de novelas. Mas o que exatamente acontecerá com a protagonista só será decidido o mais perto possível da gravação da cena. O certo é que, na última semana, a vilã mergulhará cada dia mais na espiral de loucura em que entrou desde que se apoderou do rancho dos Fontini – família em torno da qual giraram muitas de suas crueldades – e cobriu as paredes com cartazes da dupla sertaneja Faísca e Espoleta, que formou vinte anos antes ao lado de Donatela.

Bolsa geladeira? Sim,lá vem mais bolsa!!!

O Governo Federal deve atacar, de novo, com uma nova versão populesca-eleitoreira, o bolsa-geladeira, projeto que consiste em trocar as velhas geladeiras da população pobre por outras zero-quilômetro, começa a sair do papel. O ministro Edison Lobão leva nos próximos dias o projeto pronto para a aprovação de Lula. A ideia é que 10 milhões de geladeiras sejam substituídas em quatro anos. Em 2009, seriam 2 milhões de unidades.

Será coincidência?

No fim de novembro, Aécio Neves nomeou o novo procurador-geral de Minas Gerais, Alceu Marques. Ele foi escolhido apesar de ter sido o segundo mais votado pelos integrantes do Ministério Público. Não foi a primeira vez que Aécio deixou de acompanhar a preferência dos procuradores, mas nesse caso há uma particularidade: Marques é casado com a juíza Rogéria Debelli, da 4ª Vara da Justiça Federal de Minas Gerais. Foi nessa vara que foram apresentadas as denúncias contra Marcos Valério e outras 26 pessoas supostamente envolvidas no "mensalão mineiro", o esquema de arrecadação paralela criado em 1998 para a campanha a governador do ex-presidente do PSDB Eduardo Azeredo.

Agora, sim: Dilma vem aí!

Depois de mais de um ano falando em Dilma Rousseff como sua candidata à sucessão, finalmente Lula dirá isso a ela pessoalmente. O encontro entre os dois está marcado para o início desta semana. Será, repita-se, a primeira vez que Lula conversará com Dilma sobre o assunto. É o estilo Lula: ele já deu entrevista, já falou em palanques e em reuniões com políticos – mas com ela nunca. Lula dirá a Dilma que ela deverá reduzir um pouco a carga de trabalho para cuidar de sua candidatura.

'Lula' renunciou

Às vésperas do início das filmagens, o desconhecido Tay Lopez, anunciado semanas atrás como o ator que protagonizaria Lula, o Filho do Brasil, dirigido por Fábio Barreto, deixou o elenco do filme. Tay teria de engordar e emagrecer em poucos meses e seguir uma pesada rotina de exercícios físicos para ganhar massa muscular. Hipertenso, passou a ter problemas de pressão nos ensaios, não segurou a onda e pediu para sair. Para substituí-lo, a produção escolheu o também desconhecido Rui Ricardo Dias. As filmagens começam no dia 21, em Pernambuco.

No Corinthians, reservas são os melhores

Nos dois treinamentos, do Corinthians, que foram abertos à imprensa e tiveram uma simulação de jogo, nas últimas quinta e sexta-feira, Souza e Jorge Henrique foram os artilheiros. O primeiro marcou, no total, três gols, enquanto o segundo fez dois. Além deles, apenas Eduardo Ramos, no jogo-treino contra o União Barbarense, também balançou as redes como "titular".Com essa situação, o técnico alvinegro brincou com a possibilidade de Souza e Jorge Henrique, que foram contratados este ano do Panathinaikos e do Botafogo, respectivamente, estejam à frente dos demais concorrentes às vagas no ataque."Eu os coloquei bem na frente (risos). Acho que eles fizeram um bom trabalho durante o jogo-treino, como a maioria dos jogadores. Eles se completam bem em termos de características e é uma dupla que tem tudo para dar certo", afirmou Mano.Apesar de Dentinho ter sido o artilheiro do time na última temporada, marcando 24 gols, o jogador está defendendo a seleção brasileira sub-20 no Sul-Americano, na Venezuela. Caso a equipe chegue a final do torneio, o atacante poderá desfalcar o Corinthians até a sexta rodada do Campeonato Paulista.Prazo semelhante pode ter Ronaldo para voltar ao time. O jogador sequer foi relacionado para participar do jogo-treino disputado na última sexta-feira, permanecendo na academia realizando exercícios físicos. Dessa forma, Souza e Jorge Henrique devem ter um bom tempo para mostrarem serviço e, com isso, convencerem o comandante de que podem jogar na equipe titular."Não gosto muito de ficar mexendo na formação, senão eu trabalho mais o ritmo dos jogadores, mas não o entrosamento. Por isso, o time pode variar um pouco até o dia 17, mas a equipe que iniciar a primeira parte do trabalho, mesmo que apresentemos todos os atletas, será a equipe que irá estrear no Paulista", completou Mano, em relação ao amistoso que será disputado contra o Estudiantes, no Pacaembu.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Lula fala,fala,mas não faz...

Segundo o Jornal O Globo, o discurso do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em defesa de investimentos públicos para enfrentar a crise econômica internacional destoa do desempenho de sua equipe.No ano passado, o governo só gastou 22,5% dos recursos para investimento previstos no Orçamento. De um total de R$ 47,6 bilhões aprovados na lei orçamentária, apenas R$ 10,7 bilhões efetivamente saíram do papel.
No orçamento de investimentos estão reunidas todas as obras de infraestrutura, habitação e saneamento de responsabilidade federal, inclusive as ações do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).
O baixo nível de investimento atingiu inclusive a área social. No Ministério da Saúde, apenas 7% dos investimentos foram executados. De um total de R$ 3,9 bilhões incluídos no Orçamento, foram gastos R$ 276 milhões.
O programa de Atenção Hospital e Ambulatorial no SUS, por exemplo, tinha verba aprovada de R$ 1,7 bilhão, mas foram desembolsados R$ 163 milhões (9,5%). E de uma dotação de R$ 324 milhões para ações de saneamento rural, foram aplicados apenas R$ 3,9 milhões (1,3%).
No Ministério da Educação, a execução chegou a 27,5% dos investimentos previstos. De uma dotação de R$ 3,7 bilhões, foi gasto R$ 1,031 bilhão.
Leia mais em: Apesar de Lula defender gasto público, governo só aplicou 22,5% da verba prevista no Orçamento de 2008. Saúde só gastou 7%

Carta marcada, na Câmara, para escolha de plano de saúde

O novo plano de saúde dos funcionários da Câmara dos Deputados é um jogo de cartas marcadas. Foi tudo montado para que o Sindilegis (Sindicato dos funcionários do Legislativo) entregue o atendimento para a Amil, sem licitação. A Câmara repassará à operadora R$ 43 milhões. É o que informa Ilimar Franco, na coluna Panorama Político desta sexta-feira, em O Globo. A empresa ainda receberá as contribuições de 15 mil servidores estatutários e 12 mil comissionados.
Quando os integrantes da Mesa Diretora chegaram à reunião de quarta-feira, diz Ilimar, já estavam reunidos o presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), o presidente do Sindicato dos Servidores do Legislativo (Sindilegis), Magno Mello, e o corretor da Amil, Farias Pereira de Souza. Os demais membros da Mesa imaginavam que Farias fosse do sindicato.
Farias interveio na reunião e ajudou a convencer a Mesa. Mais tarde, em outra reunião, na sala do diretor-geral da Câmara, Sérgio Sampaio, Magno Mello afirmou que não haverá licitação e que a operadora será escolhida pelo sindicato. E que o novo plano será implantado em 20 dias, antes da eleição do novo presidente da Câmara.

Lula, que não gosta de ler, diz que os jornais estão obsoletos

Mais do que "sentir azia" quando exposto diretamente ao noticiário, o presidente Lula acha também que os jornais estão "obsoletos" e diz confiar mais nas informações de assessores do que naquilo que sai publicado. As declarações fazem parte de trechos inéditos da entrevista à revista "Piauí" deste mês. A Presidência divulgou o que diz ser a íntegra da conversa.
"É muito melhor ficar na mão de um assessor em quem eu confio do que na mão de um artigo. (...) Prefiro alguém que eu recruto, da maior seriedade, e que me dá as informações corretas", afirma Lula, que ressalta o papel da internet: "Alguns companheiros da imprensa não descobriram isso porque continuam agindo como se estivessem 40 anos atrás".
Fonte:Folha de São Paulo.

Deputados pedem reembolso de gastos até com vacinas

Por ser bastante vaga, a regra que hoje praticamente permite que os deputados tenham um "cheque em branco" para gastos com saúde acaba sendo terreno fértil para abusos.
Sobram exemplos de congressistas que tentam ser ressarcidos por despesas que não estão previstas no ato da Mesa Diretora que, em 1983, estabeleceu o benefício.
Já houve pedidos para a compra de equipamento para tirar a pressão e para o pagamento de vacinas disponíveis de graça na rede pública --ambos acabaram sendo barrados pela Câmara, segundo a Folha apurou.
Em outro exemplo, o deputado Laurez da Rocha (PSB-TO) pediu o reembolso de R$ 5.800 por equipamento para tratamento de apneia do sono.
"Pedi porque pago um plano que não cobria. Eu acho que foi certo a Mesa [ recusar o pedido], nem questionei. Agora, se a Câmara tivesse pagado, eu também não iria dispensar", disse o deputado.
As atas da reunião da Mesa Diretora revelam pedidos de reembolso em gastos com alimentação e despesas de acompanhantes --o que é proibido pela norma.
O deputado Jader Barbalho (PMDB-PA), por exemplo, incluiu em pedido de reembolso R$ 15 de um café da manhã. A Câmara barrou o ressarcimento, mas pagou outros R$ 31 mil referentes a tratamento médico do deputado.
A assessoria do congressista disse que a conta foi enviada à Câmara pelo hospital onde ele foi tratado, e que o hospital mandou o valor bruto.
Em 2008, o ressarcimento de gastos de congressistas com saúde custou à Câmara dos Deputados R$ 3 milhões.
Fonte:Folha de São Paulo

Seduzida por projeto ao estilo de Ronaldo, Marta fecha com time dos EUA

Forte candidata a levar pela terceira vez consecutiva o prêmio de melhor jogadora do mundo da Fifa, Marta decidiu trocar o futebol sueco pela WPS, liga profissional norte-americana de futebol. A atacante brasileira, que defendia o Umea na Europa, acertou um contrato de três anos com o Los Angeles Sol. O acordo com a equipe segue moldes parecidos com o que Ronaldo assinou com o Corinthians, incluindo participação em patrocínios.Outro ponto que despertou enorme interesse em Marta foi a estrutura da equipe do Estado da Califórnia, que usa as mesmas instalações do Los Angeles Galaxy de David Beckham. A contratação da brasileira foi feita, inclusive, pela mesma empresa que tratou da ida do meia inglês, atualmente emprestado ao Milan, para o futebol norte-americano."Devo estar viajando entre os dias 15 e 20 de fevereiro com a Marta para os Estados Unidos para acertar os detalhes contratuais. É um acordo extenso, mas não posso falar de detalhes porque existem cláusulas de sigilo que precisam ser respeitadas. Mas já estamos apalavrados com o Los Angeles Sol", afirmou Fabiano Farah, empresário de Marta e também do corintiano Ronaldo, ao UOL Esporte.A profissionalização da liga norte-americana também foi determinante na decisão de Marta. Ela já havia recebido diversas propostas para se transferir para os Estados Unidos, mas nunca aceitou porque não achava interessante integrar uma equipe universitária. Neste ano, entretanto, ela foi selecionada pelos Los Angeles Sol no draft local e acabou acertando.Farah não quis entrar em detalhes sobre como se dará a participação financeira de Marta em relação aos investidores da equipe californiana. No entanto, segundo apurou a reportagem, o esquema de Marta seguirá os moldes de Ronaldo no Corinthians. Pelo contrato firmado com o camisa 9, Ronaldo, por meio da sua empresa R9, também pode prospectar possíveis interessados em patrocinar o Corinthians. Com isso, o atacante tem direito a uma parte do que for arrecadado, variando conforme o tipo de cota vendida. Para isso, o marketing corintiano criou projetos para comercializar, além do espaço no peito e nas costas da camisa, cotas para as mangas, calção, e pode aceitar propostas para outras posições do uniforme.

Documentário revela entranhas do Hamas

(BR Press) - No momento em que o mundo assiste, assustado, aos ataques diários na Faixa de Gaza e o crescente número de mortos, o canal por assinatura GNT reapresenta o documentário A Verdade Sobre o Hamas na madrugada deste domingo (11/01), às 0h30.
A equipe do filme, dirigido pelo argentino Rodrigo Vasquez, foi a única a ter acesso aos bastidores do Hamas nas primeiras semanas de poder em Gaza. ??O movimento foi criado em dezembro de 1987, por um grupo que sonhava com a criação de um estado Palestino islâmico. Agora, mais de 20 anos depois, percebeu que esse sonho pode ser realizado. No entanto, o novo estado islâmico é limitado a 1,5 milhões de pessoas que vivem na conflituosa "prisão colônia" de Gaza.
??Colocando a história no contexto dos últimos 20 anos, o filme irá mostrar a realidade do Hamas além da retórica. Depois de ter sido democraticamente eleito e, em seguida, rejeitado pelo Ocidente, pode o Hamas vir a ser um governo responsável e autêntico? Será que o grupo pode sobreviver? O documentário mostra imagens do conflito e de arquivo e traz entrevistas com os principais líderes do Hamas e com o povo palestino.
Quem tem TV por assinatura, é bom conferir.

Os artistas que mais trabalham em Hollywood

Se você foi ao cinema nos últimos cinco anos, viu bastante esses dez artistas. A Forbers analisou todos os filmes lançados desde janeiro de 2005 que arrecadaram mais de US$20 milhões nas bilheterias americanas (um total de 439 filmes) para descobrir quais os artistas que mais trabalharam em Hollywood.
Vale tudo: papéis principais ou coadjuvantes. A lista indica o quanto um artista trabalhou não só em termos de desempenho, mas também em arrecadação de bilheteria; mede a eficácia do trabalho do artista para o estúdio e operadores de cinemas; e dá continuidade a um debate constante: um artista do primeiro escalão vale o custo envolvido? Às vezes, até mesmo as estrelas que aparecem nos letreiros das grandes salas de cinema não conseguem gerar lucro, deixando a cargo do estúdio recuperar o investimento no exterior, por meio da venda de DVDs e para a TV a cabo.
Confira as galerias de fotos da Forbes (em inglês):
Os 10 Artistas que Mais Trabalham em Hollywood
Homens x Mulheres Mais Bem Pagos de Hollywood
Os Atores Mais Bem Pagos de Hollywood
As 10 Atrizes Mais Bem Pagas de Hollywood
Os 10 Pares Mais Bem-Sucedidos das Telas de Hollywood
O número um da lista feita pela Forbes é um dos atores que mais dão duro em Hollywood: Morgan Freeman. Conhecido atualmente por grande parte do público como Lucius Fox, o homem sem máscara por trás das Empresas Wayne nas últimas versões do épico Batman para as telas, Freeman participou de nove filmes que arrecadaram mais de US$20 milhões desde 2005, inclusive "Antes de Partir", "A Volta do Todo Poderoso" e "Xeque-Mate".
Logo atrás de Freeman vem Seth Rogen. Com oito filmes que conquistaram pelo menos US $20 milhões nas bilheterias, ele é o comediante que mais trabalha. Seus filmes já totalizaram US $1,2 bilhões. Desde sua estréia em "O Virgem de 40 Anos", em 2007, tornou-se o bobalhão de plantão de Judd Apatow em papéis em "Ligeiramente Grávidos" e "Superbad - É Hoje".
Ir além do personagem que tornou um ator famoso é um teste familiar em Hollywood. O público pode se cansar facilmente do mesmo personagem cômico ou dramático se ele aparecer, continuamente, em filmes diferentes. Um ator que tem êxito em uma série de papéis dramáticos, cômicos e de ação terá mais escolha e levará mais fãs aos cinemas.
Um ator que se dá bem tanto em papéis cômicos quanto de ação é Shia LaBeouf, o número dez da lista. LaBeouf despontou no Disney Channel no papel do despreocupado Louis Stevens, em "Mano a Mana", e chegou a astro de filmes de ação em apenas quatro anos. Nos últimos quatro anos, o ator representou seis papéis principais em vários filmes, tais como "Transformers", "Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal" e "Controle Absoluto", com um total acumulado de US $952 milhões.
A maioria dos artistas desta lista, inclusive Mark Wahlberg, Johnny Depp, Scarlett Johansson e Will Ferrell, representam uma variedade limitada de personagens na tela. Eles levam ao cinema algo que Hollywood, com sua aversão a riscos, está disposta a bancar: rendimentos uniformes de bilheteria.
Confira a lista completa dos artistas que mais trabalham em Hollywood:1 - Morgan Freeman 2 - Seth Rogen 3 - Steve Carell 4 - Queen Latifah5 - Samuel L. Jackson6 - Will Ferrell7 - Mark Wahlberg8 - Scarlett Johansson9 - Johnny Depp10 - Shia LaBeouf

Os corruptos da América

Washington, 9 jan (EFE).- O major retirado do Exército Christopher Murray se declarou culpado de ter aceitado subornos enquanto era encarregado dos contratos militares no Kuwait, informou hoje o FBI (Polícia federal americana).
Murray, de 41 anos, admitiu a culpa pelas acusações de suborno e por prestar falso testemunho perante um juiz federal em Columbus, Geórgia, informou o FBI.
O órgão informou que, em 2005 e 2006, Murray trabalhou como especialista de contratos no escritório de compras de Camp Arifjan, no Kuwait, onde "foi responsável pela obtenção de propostas para contratos militares, a avaliação das ofertas e a recomendação de concessão de contratos".
Murray reconheceu que, nesse trabalho, recebeu aproximadamente US$ 225 mil de prestadores de serviço do Pentágono em troca de recomendações para a concessão de contratos por vários bens e serviços.
O FBI não disse o nome das empresas prestadoras de serviço que subornaram o ex-militar.
"Murray reconheceu que, quando voltou ao Kuwait, em 2006, como funcionário prestador de serviço, recebeu outros US$ 20 mil em subornos de um terceirizado do Departamento de Defesa em troca da concessão de um contrato de construção", acrescentou o relatório.
O major retirado enfrenta sentenças de 15 anos de prisão por cada uma das cinco acusações de suborno e pode ter que pagar uma multa de US$ 250 mil. Além disso, encara até cinco anos de prisão por falso testemunho.

Inflação pelo IPCA a 5,9% é a maior desde 2004

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou o ano passado no maior nível desde 2004, mas abaixo do teto da meta perseguida pelo Banco Central.
Pressionado pelos alimentos, o IPCA subiu 5,90 por cento em 2008, após a alta de 4,46 por cento em 2007, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira.
O Banco Central perseguia meta de inflação de 4,5 por cento com margem de tolerância de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo.
O ritmo menor da alta dos preços no último bimestre impediu que a inflação rompesse o limite da meta, depois de outubro ter registrado inflação de 6,41 por cento no acumulado em 12 meses. Foi o quinto ano consecutivo de cumprimento da meta.
Em dezembro, o IPCA subiu 0,28 por cento, uma desaceleração frente à taxa de 0,36 por cento vista em novembro. Analistas consultados pela Reuters esperavam alta de 0,31 por cento para o IPCA no mês passado. A inflação foi a mais baixa para um mês de dezembro do Plano Real, segundo o IBGE.
"DIVIDENDOS DA ESTABILIDADE"
Ao comentar o resultado, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse que ele abre espaço para quedas de juros, enquanto o BC preferiu apenas comemorar os números.
"Fiquei muito satisfeito com o resultado do IPCA... Tinha gente que falava que ia ultrapassar 6,5 por cento... passamos pelo choque de commodities mantendo a inflação brasileira dentro da meta... Isso dá um espaço importante para a redução do juro no país", disse Mantega em entrevista coletiva.
Por meio de sua assessoria de imprensa, o BC afirmou que o cumprimento da meta de inflação nos últimos cinco anos mostra que ele está no caminho correto.
"A política monetária adotada pelo BC é adequada para preservar o poder de compra da população e a manutenção do ganho real dos salários. Esses são os principais dividendos da estabilidade", afirmou a autoridade.
Os alimentos foram os vilões da inflação em 2008, representando 2,42 pontos percentuais dos 5,90 por cento de alta que o IPCA acumulou no ano. Num distante segundo lugar, apareceu o item Despesas pessoais, com participação de 0,72 ponto percentual.
O grupo Alimentação fechou o ano com alta de 11,11 por cento, variação mais elevada desde 2002 e terceira maior alta no Plano Real.
"Os preços das commodities começaram a subir em 2007 com o aquecimento mundial e essa situação continuou no primeiro semestre de 2008. A partir de setembro, veio a crise internacional e a bolsa de mercadoria internacional refletiu a queda da demanda", avaliou Eulina Nunes dos Santos, do IBGE.
"Os exportadores brasileiros também aumentaram a oferta no mercado interno. A crise ajudou a conter a inflação."
2009
A economista do IBGE identificou os primeiros sinais de impacto da alta do dólar no fim de 2008 que podem ter reflexo na inflação de 2009.
Vestuário, computadores e artigos de residência, que englobam eletroeletrônicos, subiram acima da variação de 2007.
"Acho que pode estar ocorrendo e os sinais ainda não são evidentes. Vestuário tem influência da China e aumento de componentes importantes", disse Eulina.
"Não se pode atribuir a alta do IPCA em 2008 ao dólar. Nas próximas divulgações ele pode aparecer mais, porém em um ambiente de crise pode não haver espaço para repassar
O INPC, que mede a variação de preços para famílias com renda de até seis salários, avançou 6,48 por cento afetado principalmente pelos alimentos, ante 5,16 por cento em 2007. Foi a maior taxa desde 2003.

Gerente da CEF tem 8 parentes sequestrados no Rio

Oito parentes de um gerente da Caixa Econômica Federal foram sequestrados na noite de ontem em São Gonçalo, no Grande Rio, com o objetivo de forçar o funcionário a retirar todo o dinheiro que estava na agência de Magé, na Baixada Fluminense. Entre as vítimas estava um bebê, sobrinho do gerente, além da mulher dele, dois filhos, os sogros e os cunhados.
Enquanto os parentes eram mantidos em cativeiro, os criminosos fizeram o gerente refém. Por volta das 8 horas de ontem, ele foi libertado para retirar os R$ 400 mil que havia no cofre da agência. Agentes da Polícia Federal chegaram a tempo de impedir o saque e passaram a negociar a libertação dos reféns. A instituição não esclareceu quem comunicou o crime.
A PF acionou ainda a equipe da Coordenadoria de Operações Especiais da Polícia Civil (Core), que monitorou a região do crime com helicópteros, e os batalhões da Polícia Militar de Magé e São Gonçalo, que fizeram barreiras nas cidades. Por volta das 11 horas, as oito pessoas foram libertadas, sem ferimentos. Não houve pagamento de resgate. Os criminosos fugiram.

Os 10 exércitos mais poderosos do mundo

Segundo a revista 'Mundo Estranho', da Editora Abril, os Estados Unidos têm o maior potencial bélico do planeta, chegando a gastar mais de 320 bilhões de dólares com armamentos. Na mesma lista, Israel vem em 10º lugar, com um gasto de quase 10 bilhões de dólares nesta área. Cabe saber porque estes países investem o mesmo valor em saúde e educação, por exemplo.
E se não estamos vivendo nenhuma Guerra Mundial atualmente, pelo contrário, a idéia é conseguir a paz entre os povos no mundo, por que EUA, Rússia e China gastam tanto dos impostos de seus cidadãos em armamento bélico.
Veja o ranking abaixo:
1º. Estados Unidos
Efetivo: 1.414.000 soldados
Gasto militar anual: 329 bilhões de dólares (1.138 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
2º. Rússia
Efetivo: 988.100 soldados
Gasto militar anual: 48 bilhões de dólares (333 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
3º. China
Efetivo: 2.270.000 soldados
Gasto militar anual: 48 bilhões de dólares (37 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
4º. França
Efetivo: 260.400 soldados
Gasto militar anual: 38 bilhões de dólares (636 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
5º. Reino Unido
Efetivo: 210.400 soldados
Gasto militar anual: 35 bilhões de dólares (590 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
6º. Coréia do Norte
Efetivo: 1.082.000 soldados
Gasto militar anual: 4,7 bilhões de dólares (214 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
7º. Índia
Efetivo: 1.298.000 soldados
Gasto militar anual: 13 bilhões de dólares (13 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
8º. Paquistão
Efetivo: 620.000 soldados
Gasto militar anual: 2,5 bilhões de dólares (17 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim
9º. Coréia do Sul
Efetivo: 686.000 soldados
Gasto militar anual: 12 bilhões de dólares (266 dólares por habitante)
Armas nucleares: não
10º. Israel
Efetivo: 161.500 soldados
Gasto militar anual: 9,4 bilhões de dólares (1.499 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

Acredite, se quiser!

Projetos propõem funk como expressão cultural popular:
Dois projetos de lei, em tramitação na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, tratam da preservação do funk como uma manifestação cultural popular. Ambos os textos propõem que o poder público deverá garantir a proteção do movimento, assegurando a livre realização das festas e dos bailes, e também preveem punição para a discriminação ou preconceito.
Se forem aprovados, vão tornar nulos os termos de uma lei estadual, sancionada em maio do ano passado, que estabelece que bailes funks dependem de autorização prévia da Secretaria de Estado de Segurança. O assunto foi tema de reportagem no jornal britânico The Guardian, recentemente.
"Nossos projetos não revogam a lei do silêncio, a criminalização da apologia da violência nem autoriza a banalização sexista. A nossa intenção é preservar uma expressão cultural. Só a existência dos projetos está sendo válida para que a discriminação contra os pobres não se estenda à discriminação cultural", afirmou o deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ), autor do projeto da Câmara. No Rio, a proposta partiu dos deputados Marcelo Freixo (PSOL) e Wagner Montes (PDT)
Fonte:O Estado de S. Paulo.

Desdenhando...

O ex-senador José Jorge, de Pernambuco, assume dia 3 de fevereiro sua cadeira no Tribunal de Contas da União.
É incrível, como no Brasil, o Tribunal de Contas da União tem sido o estaleiro- ou fim de carreira – de velhos políticos.
Órgão de características de fiscalização dos gastos públicos, cuja missão torna-se imprescindível a ética e honestidade, tem sido ocupado por uma série de políticos “aposentados” ou sem votos.

O Brasil que trabalha

A produção agrícola brasileira de cereais, leguminosas e oleaginosas superou em 9,5% a safra de 2007 (133,1 milhões de toneladas) chegando a 145,8 milhões de toneladas. Já a área a ser colhida (47,2 milhões de hectares) aumentou em 4,1% em 2008, frente ao ano retrasado. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e fazem parte do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) referente ao ano de 2008. A soja foi a cultura que ocupou as maior área em 2008 (21,3 milhões de hectares), seguida do milho (14,4 milhões de hectares) e do arroz (2,9 milhões de hectares). Das cinco regiões brasileiras, a do Sul aparece com a maior participação na produção nacional de grãos (42,1%). Em seguida, vem o Centro-Oeste (34,8%), o Sudeste (12%), o Nordeste (8,5%) e o Norte (2,6%).

O gosto pelo elogio

Durante a ditadura militar o general Costa e Silva foi reclamar da condessa Pereira Carneiro da cobertura do "Jornal do Brasil" a seu governo. A condessa tentou argumentar que o jornal fazia "crítica construtiva". O ditador emendou: "É, pode ser. Mas eu gosto mesmo é de elogio".
De lá para cá, o Brasil melhorou e os governos democráticos civis - de José Sarney a Lula - têm sido impecáveis na defesa da liberdade de imprensa.
Mas a entrevista de Lula a Mário Sergio Conti, da revista "Piauí", mostra que está para nascer um governante que conviva bem com imprensa num ambiente livre. Lula foi enfático ao afirmar que sente "azia" com as publicações que criticam seu governo.É que, na verdade, ele,também, gosta mesmo é de elogio.

Vem coisa por aí....

Com a crise batendo as portas, periga este ser o ano do "quem gastou, gastou; quem não gastou, não gasta mais".
É que, no governo Lula, pela primeira vez, o ano começa com o orçamento todo liberado, já que os planos de 2009 foram excepcionalmente votados em 2008.
Assim, está tudo aprovado até o Ministério do Planejamento editar um dos famosos cortes anuais, tecnicamente conhecidos como contingenciamento.

Uma boa idéia???

O Ministério da Defesa, com a aquiescência do comandante-em-chefe Lula, vai aumentar de 23 para 51 (número sugestivo) o número de pelotões de fronteira instalados na Amazônia. Serão prioritariamente células de vigilância militar, e ficarão em terras indígenas. O efetivo do Exército passará de 25 mil para 30 mil.

Uma incrível aliança

Eleito prefeito de São Bernardo do Campo (SP), o petista Luiz Marinho fez um acordo com o DEM do prefeito paulistano Gilberto Kassab, que lhe garantiu maioria na Câmara dos Vereadores.

Fígado frágil, leitura idem...

Segundo o Jornalista Cláudio Humberto, em sua coluna publicada em dezenas de jornais brasileiros, o que causa azia ao Presidente Lula não deve ser o que a imprensa escreve contra ele – como ele mesmo afirma – mas sim o “esforço” que ele faz para ler.

Olha o despejo aí, gente!

Endiabrado, O presidente da Câmara do Deputados, Arlindo Chinaglia, deu prazo de 90 dias, a partir de 1 de janeiro, para que os 26 servidores da Câmara que ainda estão em apartamentos funcionais desocupem os imóveis a serem devolvidos à Secretaria de Patrimônio da União.

Collor na justiça

Fernando Collor de Mello perdeu uma ação de danos morais na Justiça do Rio contra o secretário de Comunicação Social do governo Lula, Franklin Martins. Collor alegou que foi acusado de corrupção pelo jornalista em entrevista concedida à revista "Brasília em dia", que circulou em 2005. Segundo a juíza Flávia de Almeida Viveiros de Castro, da 6 Vara Cível da Barra, nada de novo foi dito: "O jornalista entrevistado, a revista e o entrevistador nada de novo relatam. Comentam-se fatos que fazem parte da História deste país".

STJ nega Habeas Corpus a estelionatário de índios

O Superior Tribunal de Justiça negou habeas corpus para acusados de estelionato contra indígenas. Os réus foram presos e denunciados pelas práticas dos delitos de extorsão, apropriação de rendimentos, retenção de cartão de benefício previdenciário e coação contra idosos de aldeia indígena “Reserva do Guarita”, no Rio Grande do Sul.

Maldade do Paes

Eduardo Paes, novo Prefeito do Rio de Janeiro, criou o chamado “choque de Ordem”. E para começar, tomou como bode expiatório a Barraca Bebê das Lagoa, na Lagoa Rodrigo de Freitas. O choque de ordem de Eduardo Paes está provocando ira dos freqüentadores e moradores do bairro e região, por causa do vendedor de cocos Albani, que mantém o Bebê Lagoa, espaço para crianças com brinquedos perto da entrada do Rebouças. A Kombi dele foi levada ontem de manhã pelos homens da prefeitura.Dizem os frequentadores que é injustiça - no Bebê Lagoa não tem desordem.

Banco do Brasil compra parte do Banco Votorantim

Nesta sexta-feira (9), o Banco do Brasil acertou parte da compra do Banco Votorantim. O BB vai ter 49,99% do capital volante da instituição e 50% do capital social. O Banco Central ainda tem de aprovar a operação. Segundo o Banco do Brasil, essa medida foi tomada para fortalecer a atuação no financiamento de veículos, mercado em que o Banco Votorantim atua com destaque e rápido crescimento. Os ativos do BB vão passar a somar R$ 553,3 bilhões, volume ainda menor que os R$ 575 bilhões do Itaú-Unibanco.

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Piada da hora

Como dar prazer a uma mulher!!
Uma técnica incrível para você proporcionar um prazer incrível para sua mulher.Sim, a técnica das mãos molhadas. Certamente a mais popular entre as mulheres. Tão simples. Tão excitante. Você vai deixá-la completamente sem fôlego:* Faça sua parceira sentar-se em uma cadeira confortável na cozinha.Certifique-se que ela consegue ver muito bem tudo que você faz.* Encha a pia da cozinha com água e adicione algumas gotas de detergente para louça com aroma. (Existem muitos aromas que podem ser utilizados -maçã, limão, lavanda - escolha o que quiser. Se estiver em dúvida, experimente o ‘neutro’).* Segurando uma esponja macia , submerja suas mãos na água e sinta sua pele ser envolvida pelo líquido até que a esponja esteja bem molhada..* Agora, movendo-se devagar e gentilmente, pegue um prato sujo do jantar, coloque-o dentro da pia e esfregue a esponja em toda a superfície do prato. Vá esfregando com movimentos circulares até que o prato esteja limpo.* Enxágue o prato com água limpa e coloque-o para secar. Repita com toda a louça do jantar até que sua parceira esteja gemendo de prazer.

Até o presidente do Bradesco está pedindo redução de juros

O presidente do Bradesco, Márcio Cypriano, defendeu ontem a antecipação da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), marcada para os dias 20 e 21, para que os juros possam cair mais rapidamente. A proposta foi apresentada durante reunião do ministro da Fazenda, Guido Mantega, e do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, com um grupo de 15 representantes do setor produtivo. O corte imediato dos juros foi um pedido unânime dos empresários. Meirelles não respondeu à provocação e defendeu a política do BC. "Se acertamos no passado, tenho fé que vamos continuar acertando", disse Meirelles."É para ver como está o sentimento global", comentou o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Paulo Safady Simão. "Uma das unanimidades é que se precisa baixar o custo do crédito no País", acrescentou o presidente da Associação Brasileira de Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib). "Aconteceu um milagre", reagiu o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas (Abimaq), Luiz Aubert Neto. "O que me deixou mais satisfeito foi o representante da Febraban pedir para antecipar a reunião do Copom para baixar os juros", disse Aubert, um dos que mais provocaram Meirelles quando quis saber por que o BC mantém os juros elevados.O vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), José de Freitas Mascarenhas, disse que todos reclamaram não só dos juros, mas também dos spreads cobrados pelos bancos. Segundo Mascarenhas, Meirelles disse respeitar as críticas, mas defendeu a política monetária, dizendo que ela, até agora, tem se mostrado bem-sucedida.
Fonte:O Estado de São Paulo

Juiz decide que Lindemberg Alves vai a júri popular

O juiz José Carlos Carvalho Neto, do Júri de Execuções Criminais de Santo André, decidiu hoje que Lindemberg Alves, de 22 anos, vai a júri popular. A decisão do juiz foi tomada após ouvir o depoimento de todas as testemunhas arroladas pela defesa e pela acusação sobre o sequestro que culminou na morte de Eloá Cristina Pimentel, de 15 anos. Último a depor, Lindemberg se negou a falar. A defesa do sequestrador vai recorrer da decisão de Carvalho Neto.
Após o juiz ler o histórico do caso, Lindemberg afirmou: "Prefiro me manter calado nesta oportunidade". Após a negativa de Lindemberg, defesa e acusação do caso tiveram um debate com o juiz, cada um com 20 minutos para argumentação. Lindemberg almoçou três sanduíches de queijo e presunto e tomou uma garrafa de suco de maracujá. Cinco testemunhas falaram em defesa de Lindemberg - todos amigos e vizinhos do jovem. A maioria das testemunhas de defesa afirmou que ele não tinha um histórico de agressões. A defesa do jovem pediu que o juiz esperasse dois policiais que testemunhariam no caso, mas o pedido foi negado pelo juiz.
Nayara Rodrigues da Silva, de 15 anos, também mantida refém por Lindemberg no apartamento da família de Eloá em outubro passado, foi a primeira testemunha a depor. A adolescente repetiu suas versões sobre o sequestro. O depoimento começou às 9h20 e terminou às 11 horas. Ela reafirmou que Lindemberg não atirou minutos antes de o Gate invadir o local. Segundo ela, o sequestrador não queria reatar o namoro com Eloá, mas sim matá-la.
Os três policiais do Gate que prestaram depoimento contradisseram a afirmação de Nayara sobre o tiro que teria causado a invasão. Dois dos policiais também confirmaram que a polícia usou um copo para fazer escuta no apartamento onde o jovem de 22 anos mantinha as duas meninas reféns.

3 milhões vão perder emprego, prevê Força

presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho, teme que o primeiro trimestre de 2009 seja um desastre para os trabalhadores. Ele calcula em cerca de 3 milhões os postos de trabalho eliminados até março, ou 10% dos brasileiros com carteira assinada.A central fará uma reunião com os sindicatos na segunda-feira para definir uma série de protestos. Uma das possibilidades é fazer manifestações nas principais capitais no dia da próxima reunião do Comitê de Política Econômica (Copom), em 21 de janeiro. No mesmo dia, os sindicalistas se reúnem com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) para conhecer as perspectivas para os acordos trabalhistas em 2009. O economista do Dieese, Ademir Figueiredo, acredita que as campanhas este ano devem se manter na conquista de ganhos salariais acima da inflação: "O movimento sindical está num compasso de espera, no sentido de avaliar os resultados do mercado de trabalho nesse ano e ver que impacto terá em 2009". Figueiredo diz que os problemas na economia foram localizados nos setores exportadores. "Podemos manter uma atividade econômica com crescimento de 4,5% do PIB em 2009, o que dá margem para mais acordos com ganho real para os trabalhadores."DIVERGÊNCIANão há unanimidade entre as centrais sobre a flexibilização das leis trabalhistas. Paulinho, da Força Sindical, diz ser favorável às negociações. "Desde que não sejam retirados os direitos do trabalhador, medidas como a adotada pela Renault são bem-vindas. São permissões que constam na lei. Só sinto o fato de depois de tanta negociação não termos conseguido garantia do emprego."O secretário-geral da CUT, Quintino Severo, reprova medidas paliativas. "Somos contra qualquer tipo de flexibilização dos direitos. Tem de haver a garantia do emprego, e isso não ficou claro no caso da Renault. É uma decisão temerária."
Fonte:O Estado de São Paulo

Prefeito no Ceará herda 290 mil rolos de papel higiênico

Prefeitos que recebem dívidas de herança há muitos. Lixo, também, mas o do município de Caucaia, Washington Góes (PRB), não sabe o que fazer com a compra quilométrica feita por sua antecessora, Inês Arruda (PMDB). Nós últimos dias de dezembro, no fim da gestão, a prefeitura realizou uma compra que chamou a atenção: mais de 290 mil rolos de papel higiênico. Quantidade suficiente para abastecer os órgãos da administração municipal por, no mínimo, dois anos.

Jovem é assassinada a tiros na saída de academia

Uma jovem de 23 anos foi assassinada com vários tiros em um academia de ginástica no bairro da Lapa, zona oeste de São Paulo. O crime ocorreu ontem à noite na recepção da Academia Oxigênio, na esquina das ruas Crasso e Guaicurus.
A proprietária do estabelecimento, Maeby Guimarães, disse que a vítima - Marina Sanches Garnero, já vinha sendo ameaçada pelo ex-namorado há bastante tempo. Ainda de acordo com testemunhas, por causa das ameaças Marina já havia registrado quatro boletins de ocorrência contra o ex-namorado.
O ex-namorado teria aproveitado o momento de pouco movimento, pouco antes de a academia fechar, para disparar seis tiros contra a garota. Ele conseguiu fugir e o registro da ocorrência está sendo feito na Delegacia da Lapa.
MSN Notícias

Vendas de automóveis sobem, estoque cai, mas Anfavea segue cautelosa

Por Vanessa Stelzer
SÃO PAULO (Reuters) - As vendas do setor automotivo brasileiro começaram a se recuperar em dezembro refletindo medidas do governo, mas a produção despencou em razão de férias coletivas concedidas em meio a um acúmulo de estoques em reflexo da crise financeira mundial.
Os estoques seguem altos, mas iniciaram uma trajetória de queda no mês passado, recuando de 56 dias em novembro para 36 dias em dezembro.
"Ainda é um nível elevado --a média dos últimos meses até outubro era de 28 a 29 dias--, mas já apresenta uma redução importante", disse Jackson Schneider, presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).
Como as medidas de estímulo do governo --com destaque para a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) em dezembro-- ainda são recentes, o setor preferiu adiar as previsões para a indústria automotiva neste ano.
Além dos estoques, Schneider apontou como pontos positivos a leve recuperação das vendas a prazo em dezembro e a interrupção da queda das vendas de carros 1.0, sugerindo que o mercado de crédito começa a destravar.
"As vendas a prazo passaram de 54 por cento (do total) em novembro para 60 por cento, por conta da recuperação do crédito... e houve uma reversão da tendência da queda do 1.0, que depende mais do crédito", afirmou o presidente.
Schneider citou também incertezas, entre elas a volatilidade do dólar, a dimensão do impacto da redução do IPI sobre o consumo interno e as medidas do governo norte-americano contra a crise.
"As medidas do governo (brasileiro) que foram anunciadas em dezembro estão na direção certa e foram positivas, mas não sabemos ainda qual é a dimensão delas", disse ele a jornalistas nesta quinta-feira.
"Temos que ver também a questão das vendas externas, tanto na questão do dólar quanto na estrutura (demanda) do mercado internacional. Existem dúvidas e por enquanto prefiro não fazer previsões para 2009."
2008
A Anfavea informou que a produção de veículos no país em dezembro caiu 47,1 por cento sobre novembro e 54,1 por cento ante igual mês de 2007, para 102.053 unidades. As vendas subiram 9,4 por cento mês a mês e declinaram 19,7 por cento na comparação anual, para 194.486 unidades.
Em 2008, a produção cresceu 8 por cento, a 3,214 milhões de unidades e as vendas subiram 14,5 por cento, para 2,820 milhões de veículos. Ambos foram números recordes.
"Temos que dividir 2008 em dois anos: o ano até setembro, com comportamento positivo que levou aos recordes do fechamento de 2008, e o ano a partir de setembro, com quedas em meio à crise", disse Schneider.
O setor automotivo fechou 3.200 vagas em dezembro na comparação com novembro, mas em 2008 como um todo o número de contratações aumentou em 7.600, totalizando 128 mil trabalhadores.
Apesar da fraqueza vista no quarto trimestre, os números do fechamento de 2008 possibilitaram ao país ganhar posições nos rankings mundiais do setor.
O Brasil ganhou três posições no ranking dos maiores mercados consumidores de automóveis do mundo --passando para o quinto lugar-- e subiu um degrau entre os maiores produtores em 2008 --ficando agora em sexto, segundo dados preliminares divulgados pela Anfavea.

Angelina Jolie interpreta mãe-coragem em "A Troca"

SÃO PAULO (Reuters) - Depois de ganhar fama atuando por décadas no papel de durões do faroeste e do implacável detetive Dirty Harry, na maturidade, Clint Eastwood firmou-se como um diretor respeitado e premiado, especialmente a partir de "Os Imperdoáveis", vencedor de três Oscar - filme, diretor e ator - em 1993.
Em seu novo drama "A Troca", em estréia nacional, uma das maiores diferenças que se nota em relação a outros filmes do diretor é que pela primeira vez a história é contada do ponto de vista de uma personagem feminina.
Embora "Menina de Ouro" (2004) fosse protagonizado por uma mulher, ela era vista pela perspectiva de um personagem masculino narrando sua vida.
Aqui, o centro da trama é Christine Collins (Angelina Jolie, indicada a diversos prêmios, uma das favoritas no Globo de Ouro e ao Oscar), uma mãe-coragem cujo filho foi sequestrado e que ousou levantar a voz contra o corrupto Departamento de Polícia de Los Angeles dos anos de 1920.
Christine é uma mãe solteira que trabalha na companhia telefônica local para criar seu filho Walter Collins (Gattlin Griffith), que acaba sequestrado. Depois de um certo descaso da polícia, o menino é encontrado e entregue à mãe com toda pompa e circunstância, com direto a muitos flashs da imprensa e matérias enormes em jornais promovendo a competência da polícia local.
Porém, Christine alega que esse não é seu filho. Aponta diversas diferenças entre o menino e o verdadeiro Walter, como a diferença de altura. O capitão que resolveu o caso, J.J. Jones (Jeffrey Donovan), no entanto, insiste que Christine está errada. O menino também garante ser ele mesmo o filho perdido.
Nesse momento, o roteiro assinado por J. Michael Straczynski, que foi baseado num caso real, abre o seu foco e mostra outro crime que chocou os EUA na época, e que, aos poucos, se mostra possivelmente relacionado com o caso de Christine.
Eastwood, que também assina a trilha sonora (indicada ao Globo de Ouro), mantém a sobriedade e a condução clássica da narrativa que sempre caracteriza seus filmes.
Com isso, ele dá mais espaço para que seu elenco se destaque. Angelina Jolie, que há muito não agarrava um papel com tanta determinação, desenvolve sua personagem com nuances - indo da mãe desesperada até uma mulher que se atreve a lutar contra um sistema.
Nessa luta, aliás, foi fundamental a ajuda do reverendo Gustav Briegleb (John Malkovich) cuja missão acredita ser desmascarar as sujeiras que o departamento de polícia da cidade varre para debaixo do tapete. Ele é um dos poucos a acreditar em Christine e a apoiá-la na busca pelo verdadeiro Walter.
(Por Alysson Oliveira, do Cineweb)

Mulher morre durante cruzeiro em Pernambuco

Uma mulher morreu na manhã de hoje a bordo do navio Sinfonia, onde participava de um cruzeiro com familiares, no Recife, capital pernambucana. De acordo com informações repassadas pela Superintendência da Polícia Federal (PF) de Pernambuco, a morte teria acontecido quando a embarcação se aproximava da costa do Recife. Aline Mion Almeida, 32 anos - que era portadora de distrofia muscular degenerativa e utilizava cadeira de rodas para se locomover - viajava na companhia dos pais e de uma enfermeira.
De acordo com o assessor de Imprensa da PF, Giovani Santoro, por se tratar de morte a bordo de embarcação, a investigação é de competência da Polícia Federal. "Inicialmente, em função dos depoimentos preliminares já tomados e do histórico de saúde da vítima, estamos trabalhando com a possibilidade de morte natural. Mas somente após a perícia tanatoscópica poderemos dar mais detalhes", afirmou Santoro. A previsão é de que a liberação do corpo aconteça até o final da manhã de amanhã.
O navio que fazia o cruzeiro turístico é de bandeira italiana e partiu do Rio de Janeiro para o Recife na última sexta-feira, de onde deveria seguir para Maceió (AL) e Salvador (BA). Até o final da tarde de hoje, no entanto, a embarcação permanecia atracada no Porto do Recife. A reportagem não conseguiu entrar em contato com o comando da embarcação. No escritório da empresa que administra o navio, no Rio de Janeiro, ninguém atendeu ao telefone fornecido pela tripulação.
Fonte:MSN notícias

Um marido dedicado

Recebi por e-mail:
E-mail de um marido dedicado
Querida, Está tudo em ordem durante sua ausência.
Estou preparando meu próprio almoço.
Está dando tudo certo.
Ontem fiz batata frita. Ficou bom. Era preciso descascar a batata?
Fui buscar uns brioches na padaria e quando voltei o esmalte da frigideira tinha soltado e ela estava toda derretida. Inclusive o cabo.. E você que me dizia que o teflon segurava qualquer coisa ...
Quanto tempo precisa pra cozinhar ovos? Já deixei eles fervendo lá duas horas, mas continuam duros que nem pedra. Bom vou aguardar um pouco mais...
Semana passada tive um contratempo cozinhando as ervilhas. Decidi esquentar a lata no microondas e ele explodiu. A lata decolou feito um foguete, atravessou o teto e acertou a filha do seu Freitas, nosso vizinho de cima. Ela foi parar no pronto-socorro. Ainda bem que eles tinham plano de saúde.
Já aconteceu contigo de a louça suja criar mofo? Como é possível isso acontecer em tão pouco tempo? Aliás, atrás da pia tem de tudo que é bicho, daqui a pouco vai dar pra fazer um documentário e vender pro Nacional Geografic.
Durante o último almoço eu emporcalhei o tapete persa com molho de tomate. Você sempre me dizia que mancha de molho de tomate não sai. Bobinha! Com um pouco de querosene não tive problema algum. Saiu tudinho, inclusive a cor do tapete.
A geladeira estava criando muito gelo, então tive que fazer um defrost nela. O gelo sai fácil se você raspa ele com uma espátula de pedreiro! Ficou ótimo, foi fácil e rápido, agora a geladeira não sei porque está aquecendo..
De toda forma, a carne ficou bem passada.
No mais, na última quinta-feira quando sai para o trabalho esqueci de trancar a porta. Alguém deve ter invadido nosso apartamento porque estão faltando alguns objetos de valor, inclusive aquele colar de marfim que seu bisavô trouxe da África. Mas como você sempre diz, o dinheiro não traz felicidade, e tudo que é material é efêmero.
O seu guarda-roupa também está vazio, mas acho que não devem ter levado muita coisa, afinal você sempre diz que nunca tem nada pra vestir.
Beijos mil, com muito carinho, do seu querido Afonso.
PS: Sua mãe deu uma passada aqui pra ver como estavam as coisas. sofreu um infarto. O velório foi ontem à tarde, mas preferi não te contar pra não te aborrecer à toa.
Volte logo, estou com saudades...

Sarney articula com PSDB candidatura ao Senado

Com a certeza dos votos das bancadas do PMDB e do DEM, o senador José Sarney (PMDB-AP) está tentando ampliar seu apoio junto ao PSDB e a outros partidos. Do seu gabinete no Senado ele conversa ao telefone com parlamentares em seus Estados e, ontem à noite, se reuniu, em sua residência, com o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). A todos os interlocutores, o ex-presidente deixa claro que só voltará ao comando do Senado se houver consenso em torno de seu nome. Ou seja, por hipótese alguma, vai bater chapa no plenário com o petista Tião Viana (PT-AC), que também se encontra em Brasília pedindo votos por telefone a todos os senadores.
A expectativa dos aliados de Sarney é de que o PMDB reafirme formalmente a decisão, já tomada pela bancada, de não abrir mão da presidência do Senado para o PT. Os peemedebistas alegam que um movimento dessa natureza não significaria uma manifestação pessoal contra Tião Viana. O fato é que, como o PSDB e DEM, o PMDB não deseja também fortalecer o PT nos próximos dois anos de costuras políticas rumo às eleições de 2010. Entre os tucanos, Sarney, se confirmar sua candidatura, não teria dificuldades em obter votos da bancada. Por isso, a conversa reservada ontem entre Sarney e Tasso foi importante e considerada um avanço nas negociações, pois o senador cearense já assumiu compromisso com a candidatura de Viana.
No entanto, senadores do PSDB afirmam que, se a opção da bancada for em favor de Sarney, Jereissati não deixará de acompanhar a posição partidária. Se houver consenso para garantir a candidatura de Sarney, como ele deseja, caberá ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva conversar pessoalmente com Tião Viana e compensá-lo em outro posto de destaque. Antes de entrar em férias, a ideia de Lula era dar ao senador petista o Ministério da Saúde em substituição a José Gomes Temporão. Só que Lula não contava com a reação contrária do presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP). Como sairá do comando da Casa em fevereiro, o deputado quer o cargo.
Volta antecipada
Surpreendido, o presidente Lula terá de tomar as rédeas do processo para resolver o impasse no PT. Por isso, segundo aliados, ele teria antecipado em um dia sua volta à Brasília, encurtando suas férias na Bahia. Além de resolver a situação do Senado, o presidente deve também reforçar a campanha do presidente da PMDB, deputado Michel Temer (SP), que disputa o comando da Câmara.
Apesar do apoio formal de 12 partidos, é preciso intensificar a campanha para não evitar traições, já que o voto é secreto. "Queremos liquidar essa fatura no primeiro turno", garantiu hoje o líder do PR, deputado Luciano Castro, acrescentando que o momento é de muito cuidado. Em sua bancada, por exemplo, dos 42 deputados, oito estão fechados com a candidatura de Ciro Nogueira (PP-PI).
A eventual candidatura de Sarney pode enfraquecer Temer, na avaliação de parlamentares que apoiam o deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), candidato do bloquinho. Ou seja, o PT poderia trair o presidente do PMDB para evitar que o partido assuma o controle das duas Casas Legislativas. "Nada mais abala a candidatura de Michel", observou otimista o líder do PMDB, deputado Henrique Eduardo Alves (RN).
Fonte:MSN Notícias

Energia elétrica ficará 1% mais barata

Ao aprovar nesta terça-feira (6) novas regras para a conta de consumo de combustíveis (CCC), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) reduzirá em 1% o custo de energia elétrica para consumidores de todas as regiões do país. Gerida pela Eletrobrás, a CCC é um encargo que subsidia a compra de combustíveis usados na geração térmica de energia em localidades que não fazem parte do sistema interligado nacional, situadas principalmente na Região Norte.
Com a medida anunciada, esse tributo – que incide nas tarifas da conta de luz de todos consumidores – será reduzido de 4% para 3%. E o ajuste do preço dos combustíveis pagos pela CCC estará limitado ao praticado no mercado. Assim, o pagamento pelos combustíveis estará vinculado ao preço publicado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), sem Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).
O objetivo das novas regras é tornar mais transparente a prestação de contas das usinas à Aneel sobre o uso do subsídio para gastos com combustíveis, ficando a cargo da Eletrobrás submeter à agência proposta de relatório que será divulgada até o dia 15 de cada mês no site da empresa.
“Da forma dispersa como esses dados eram disponibilizados ficava difícil para o cidadão comum acompanhar e entender como os encargos estavam sendo aplicados”, disse o assessor da Superintendência de Regulação dos Serviços de Geração da Aneel Odenir José dos Reis. Segundo ele, caso tivesse vigorado em 2008, a nova metodologia representaria uma economia de R$ 960 milhões.
As cotas da CCC têm de ser pagas mensalmente pelas distribuidoras. O valor é calculado com base em uma previsão anual de geração termelétrica feita pelo Grupo Técnico Operacional da Região Norte, sob coordenação da Eletrobrás.
“Aprovamos também um limite para o consumo das unidades geradoras, que deverá ser o menor valor entre a média dos valores disponíveis no Sistema de Coleta de Dados Operacionais, o limite publicado pela Aneel e o valor pactuado no contrato de compra e venda de energia”, explicou Odenir.
Agência Brasil

Casal negro com filho branco suspeita de troca de bebês

Pais realizaram exame de DNA, cujo resultado deve sair na próxima semana.Para a mãe, Alexsandra Oliveira, há apenas duas possibilidades: uma troca de crianças na maternidade ou um "dedinho da genética"
A cozinheira Alexsandra Santos de Oliveira, 34, torce para que o menino Gabriel, de apenas dois meses, seja, em suas palavras, um irmão "alemãozinho no meio de um monte de crioulinhos". Mas desconfia de que o bebê branco de olhos claros que carrega no colo desde 3 de novembro não seja seu filho com o servente Alexandre Assunção Maciel, 34.Desde que ela deu à luz no hospital Azevedo Lima Branco e saiu com um bebê branco da maternidade, com cabelos lisos e olhos azuis, o casal de negros, moradores de Niterói (região metropolitana do Rio), convive entre comentários dos vizinhos sugerindo que Alexandre não é o verdadeiro pai.Alexsandra, que tem seis filhos, todos negros, só considera duas possibilidades: uma troca de bebês ou um "dedinho da genética". Ela afirma que tem uma sobrinha, um tio e um bisavô de olhos claros. O marido diz ter só parentes negros."Não o sinto como meu filho. Não é porque é branco, mas é aquele sentimento que a mãe tem quando bate o olho e sabe de imediato. Isso eu não tenho. Mas o amo e dou todo carinho", disse Alexsandra.Segundo Letícia Guida, pesquisadora geneticista do Instituto Fernandes Figueira da Fiocruz, é possível que o bebê seja filho do casal, já que "a população como a nossa é miscigenada, com ascendentes europeus e africanos"."A determinação da cor da pele é uma herança genética. O gene negro é dominante e o branco, recessivo. A mistura deles determina a tonalidade da pele", afirma a pesquisadora.O casal, que esperou dois meses para ver se o bebê "escurecia" -ele teve icterícia, que deixa a criança pálida por até duas semanas-, fez ontem um exame de DNA, cujo resultado deve sair na semana que vem.A cozinheira aponta falhas na documentação do hospital para levantar a hipótese de troca de bebês. O nome dela está errado (grafado como Alexandra Simões de Oliveira).O diretor do hospital, José Luiz Medeiros, afirma não acreditar na hipótese de troca das crianças, embora trabalhe com essa possibilidade "por precaução". Segundo ele, quatro bebês homens nasceram no mesmo dia que Gabriel. "Se tivesse ocorrido uma troca, um casal branco teria notado que está com um bebê negro, e até agora não temos notícia."Caso seja confirmado como filho do casal de negros, o caso não será tão inusitado quanto o do casal britânico Dean Durrant e Alison Spooner: eles tiveram, por duas vezes, gêmeos de cores de pele diferentes.
Fonte:Folha de São Paulo

ARTIGO

O Irã como Estado máximo do confronto
THOMAS L. FRIEDMANDO "NEW YORK TIMES" É doloroso assistir aos combates, mortes e destruição na faixa de Gaza. Mas já é tudo familiar demais. É a versão mais recente da peça há mais tempo em cartaz no Oriente Médio moderno. Se eu tivesse que dar um título a ela, seria: "Quem é o dono deste hotel? Os judeus podem ter um quarto aqui?Não deveríamos explodir o bar e pôr uma mesquita no lugar?".Ou seja, a faixa de Gaza é uma miniversão dos três grandes conflitos que se desenrolam desde 1948: 1) Quem será a superpotência regional? 2) Deve haver um Estado judaico no Oriente Médio, e, se sim, em que termos palestinos? 3) Quem vai dominar a sociedade árabe -islâmicos intolerantes que querem sufocar a modernidade ou modernistas que querem abraçar o futuro com rosto árabe-muçulmano?O dono do hotelA luta pela hegemonia no mundo árabe moderno é tão velha quanto o Egito de Nasser.O que é novo é o fato de o Irã, não-árabe, buscar a primazia, desafiando Egito e Arábia Saudita. Teerã usa sua ajuda militar ao Hamas e ao Hizbollah para criar uma força com foguetes nas fronteiras norte e oeste de Israel, o que lhe possibilita suspender e reiniciar o conflito israelo-palestino quando quiser e retratar-se como o protetor dos palestinos, em oposição aos regimes árabes fracos."A faixa de Gaza que Israel deixou em 2005 fazia fronteira com o Egito. A faixa de Gaza à qual Israel acaba de retornar faz fronteira com o Irã", disse Mamoun Fandy, diretor de programas de Oriente Médio no Instituto Internacional de Estudos Estratégicos. "O Irã virou o Estado máximo do confronto. Não sei se ainda podemos falar em "paz árabe-israelense" ou "iniciativa árabe de paz". É possível que tenhamos uma "iniciativa iraniana"." Toda a noção de processo de paz árabe-israelense terá que mudar.Um quarto para os judeusO Hamas rejeita reconhecer Israel. Já a Autoridade Nacional Palestina, liderada pelo Fatah, reconheceu Israel -e vice-versa. Se, para você, a única solução estável é uma que envolva dois Estados, com os palestinos ficando com toda a Cisjordânia, a faixa de Gaza e os setores árabes de Jerusalém Oriental, você só pode torcer pelo enfraquecimento do Hamas.Por quê? Porque nada tem prejudicado mais os palestinos que a estratégia de culto à morte do Hamas de converter jovens em homens-bomba. Pois nada seria um revés maior a um acordo de paz do que se o chamado do Hamas pela substituição de Israel por um Estado islâmico se tornasse a posição palestina nas negociações. E porque os ataques do Hamas ao sul de Israel estão destruindo a solução de dois Estados, mais que os insensatos assentamentos de Israel na Cisjordânia.Israel já comprovou que se dispõe a retirar assentamentos, como fez em Gaza. Os ataques de foguete do Hamas representam uma ameaça irreversível.Eles dizem a Israel: "A partir da faixa de Gaza, podemos atingir o sul de Israel. Se ficarmos com a Cisjordânia, poderemos atingir com foguetes -logo, fechar- o aeroporto de Israel a qualquer momento." Quantos israelenses vão querer correr o risco de abrir mão da Cisjordânia, diante dessa nova ameaça?Bar ou mesquitaA derrubada pelo Hamas da organização Fatah, mais secular, na faixa de Gaza em 2007 faz parte de uma guerra civil em âmbito regional que opõe islâmicos a modernistas.Na semana em que Israel vem dividindo a faixa de Gaza em fatias, homens-bomba islâmicos já mataram quase cem iraquianos. Essas chacinas cometidas sem provocação não geraram nenhum protesto na Europa ou no Oriente Médio.A faixa de Gaza é hoje, basicamente, o marco zero de todos esses três conflitos, disse Martin Indyk, ex-assessor de Bill Clinton para o Oriente Médio e que acaba de publicar o incisivo, "Innocent Abroad: An Intimate Account of American Diplomacy in the Middle East" [Inocente lá fora: um relato íntimo da diplomacia americana para o Oriente Médio]. "Este pedacinho de terra, a faixa de Gaza, tem o potencial de colocar essas três questões a nu e criar um problema enorme para Barack Obama."O grande potencial de Obama para os EUA, observou Indyk, é também uma grande ameaça aos radicais islâmicos -pois sua história exerce atração enorme sobre os árabes. Há oito anos o Hamas, o Hizbollah e a Al Qaeda vêm surfando a crista da onda do ressentimento contra os EUA gerada por George W. Bush. E essa onda ampliou em muito a base deles.Hamas, Hizbollah e Al Qaeda devem sem dúvida estar torcendo para poderem usar o conflito na faixa de Gaza para converter Obama em Bush.Eles sabem que Barack Hussein Obama precisa ser "embushcado" para manter a América e seus aliados árabes na defensiva. Obama precisa manter os olhos fixos sobre o prêmio.Sua meta -a meta da América- tem que ser um acordo na faixa de Gaza que elimine a ameaça dos foguetes do Hamas e abra o território economicamente ao mundo, sob supervisão internacional digna de crédito. É isso que vai atender aos interesses americanos, moderar os três grandes conflitos e fazer Obama ganhar respeito.
Tradução de CLARA ALLAIN
Fonte:Folha de São Paulo

Despesa de custeio da máquina dos estados aumenta cinco vezes em dez anos, diz estudo do Ipea

Média: 3,0
Comente
Comentários
BRASÍLIA - Estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgado nesta quarta-feira mostra que, em dez anos, governos estaduais aumentaram as despesas de custeio da máquina de 1,1% para 6,09% do Produto Interno Bruto (PIB). Por outro lado, as despesas de investimentos encolheram de 2,2% para 0,94% do PIB. O trabalho examinou a dívida financeira dos estados brasileiros e o Programa de Apoio à Reestruturação e ao Ajuste Fiscal, após a sua implantação em junho de 1998. (Confira a íntegra da pesquisa)
Despesas de custeio envolvem gastos para tocar o dia-a-dia dos estados, como gasolina, material de escritório, contratação de terceirizados e locação de mão-de-obra, por exemplo.
O aspecto mais positivo do levantamento é o que mostra que as despesas dos Executivos estaduais com pessoal apresentaram aumento de apenas 0,34% em relação ao PIB no mesmo período.
Os pesquisadores avaliam que são raros os casos em que governantes procuram criar capacidade de pagamento para os estados antes de implantar programas de investimento. É sempre mais fácil investir e deixar para os sucessores e para as gerações futuras as contas a pagar. Entre os estados citados como mais cautelosos com as finanças públicas estão: São Paulo, Minas Gerais, Bahia e Ceará. O estudo também enfatiza que, mais recentemente, Rio de Janeiro e Espírito Santo passaram a dispor de recursos para investimentos provavelmente oriundos da exploração de petróleo. LRF brecou gastos com pessoal, mas não de custeio
Para a elevação das despesas de custeio, que passaram de 1,16%, em 1995, para 6,09%, em 2006, o estudo sustenta que esse aumento se deu a partir de 2000, quando entrou em vigor a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), que estabeleceu limites para despesa com pessoal e com dívida, mas não amarrou todos os gastos.
"As despesas de custeio não foram alvo de limites pela LRF, como as de pessoal. As despesas de custeio se tornaram o canal do qual os estados passaram a se utilizar para elevar os gastos correntes. Práticas de elevação dos gastos por meio da contratação de serviços de pessoa jurídica e/ou pessoa física foram amplamente utilizadas", escreveram os pesquisadores. O documento não detalha o aumento do custeio por estado e nem fornece valores nominais. No Rio, custos com pessoal cresceram 0,42% em 10 anos
As despesas dos estados com pessoal, entre 1995 e 2005, apresentaram um crescimento médio real (acima da inflação) de 2,76%, contra um aumento do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 7,94%. O Rio foi o segundo estado que menos aumentou gastos com pessoal no período - o aumento foi de apenas 0,42%. No Rio Grande do Sul, por exemplo, a despesa com pessoal decresceu 2,5%.
A Lei de Responsabilidade Fiscal determina que a relação entre receita corrente líquida e o gasto com pessoal não pode exceder a 49%. No caso do Rio, em 2000 essa relação era de 39,9%. Em 2006, caiu para 27,49%. Estudo aponta fragilidades no Rio Grande do Sul
Ao analisar a situação geral dos estados desde a renegociação das dívidas, o documento do Ipea confirma comportamentos e resultados diferentes entre estados do Sul e do Nordeste, com os últimos apresentando melhores performances no cálculo do resultado primário de suas contas (receitas menos despesas, excetuando o pagamento de juros).
"Os estados da região Sul apresentam uma relativa instabilidade na geração de resultados primários. (...) A situação financeira do governo do Rio Grande do Sul permanece com os mesmos indícios de fragilidade existentes à época da renegociação da dívida, em 1998. (...) Os estados do Paraná e de Santa Catarina, embora sejam economicamente mais bem estruturados que a maioria dos estados brasileiros, apresentam ainda resultados primários instáveis, fortes oscilações e uma baixa execução de investimentos."
A situação é inversa à vivida por estados do Nordeste. O estudo destaca que esses estados "apresentaram, nos dez anos após a renegociação da dívida, uma consistente trajetória de recuperação e saneamento financeiro. O expressivo resultado primário negativo ocorrido em 1998 foi revertido, a partir do ano 2000, atingindo em 2005 e 2006 montantes superiores a R$ 4 bilhões. No conjunto, a região Nordeste apresenta um substancial resultado primário superior a R$ 4,2 bilhões, o equivalente a mais de 30% do resultado consolidado dos estados", diz o estudo com uma ressalva: "Os resultados são, no entanto, voláteis, de valores médios relativamente baixos e com elevado desvio-padrão". Média de investimento é inferior à de emergentes
O nível de investimento é baixo na maioria dos estados. O estudo aponta que a relação média de investimentos por estado atingiu 2,20% do PIB apenas no Ceará e em Roraima.
"A média nacional, 1,70%, é baixa e consideravelmente inferior à média de países emergentes do Sudeste Asiático, alguns mais pobres que o Brasil", destaca o texto. No caso do Rio, os investimentos atingiram apenas 0,13%, em relação ao PIB do estado entre 1995 e 2006.
"Existe a possibilidade de que gastos de investimentos dos estados sejam executados por empresas estatais e, assim, não contabilizados pela administração direta. Este é certamente o caso do Estado de São Paulo", diz o texto.
Fonte:O Globo