quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Marcha anti-corrupção.

Apesar da omissão das grandes redes de televisão, as redes sociais demonstraram força ao reunir cerca de 320 mil pessoas em todo país, na marcha contra a corrupção no país.
Poderia ser mais não fosse o claro posicionamento das grandes redes de rádio e televisão, que sob o pretexto de se manterem "isentas", preferiram ignorar e desdenhar do poder popular. 

2 comentários:

"O Mascate" disse...

O duro é ver 60.000 no Morumbi para assistir a um jogo de futebol.

Anônimo disse...

Hoje em dia o governo usa de artificios para controlar o que é divulgado nos meios de comunicação, uma empresa como a globo que deveria ser os olhos do povo, tem hoje em dia como um dos principais anunciantes a Petrobrás que 50% aproximadamente é do governo federal, nunca que a globo vai realmente criticar o governo, de vez em quando eles pegam um corrupto pra malhar mas logo fazem esquecer.
Um meio de comunicação que deveria execer sua responsabilidade de informar ao povo de maneira imparcial e não conveniente o que ocorre de no governo nos deixam na mão e dedicam a maior parte do seu tempo com futilidades, novelas, sexo e futebol, muito parecido com a epoca do pão e circo da roma antiga, e a população crescendo cada vez mais mesmo sem a infraestrutura necessária, lamentável e desanimador ver essa situação no meu querido brasil, estamos cada vez retrocedendo mais.
Seria pena de morte uma solução para crimes de corrupção?
Espero que eu esteja equivocado.