terça-feira, 21 de março de 2017

No The Noite, Bolsonaro mostra a humildade que falta aos petistas.

O deputado Jair Bolsonaro foi o entrevistado no programa “The Noite” de Danilo Gentili nesta segunda. Falou bastante do nióbio, que julga ser um recurso inexplorado no Brasil e que mereceria mais investimentos para agregar valor para exportação, e também de segurança, defendendo abertamente o direito individual de posse de arma e o fim da mentalidade que transforma bandido em “vítima da sociedade”.
Essa pegada pela ordem é, sem dúvida, a marca mais forte do provável candidato a presidente em 2018. O povo, cansado da inversão de valores na sociedade, do discurso de vitimização dos marginais e da revolução cultural “progressista”, enxerga em Bolsonaro alguém com a coragem e a determinação de comprar essa briga, de reverter esse quadro.
É na economia, porém, que ele escorrega mais. Ainda carrega um ranço nacionalista que incomoda bastante os liberais, coloca-se contra privatizações e mesmo na questão do nióbio deixa transparecer um viés estatizante não condizente com o liberalismo. Mas tem uma grande vantagem em relação aos esquerdistas estatizantes: humildade para reconhecer que não domina o tema.
*Com Rodrigo Constantino

Um comentário:

Dj Castelo Branco disse...

Se até lá não aparecer um general linha dura,
capaz de reconstruir moralmente o Brasil, terá meu voto....